terça-feira, maio 17, 2016

AFRO MOVIMENTE está sendo oficializada

O sonho iniciado no ano de dois mil, agora está sendo oficializado junto aos órgãos e tornando o movimento em ONG, que teve sua coordenadoria e conselho fiscal eleitos no último dia 13 de maio, sendo eles: COORDENADOR GERAL: Babalorixá Paulo Mendonça d’Xangô; COORDENADORA DE MOBILIZAÇÃO: Etémì Flavia de Osun; COORDENADORA FINANCEIRA: Ekede Lili Careca d’Oxum; COORDENADOR ADMINISTRATIVO: Doté Muniz de Jagun; COORDENADOR JURÍDICO: Dr. Miguel Jorge Jacob; COORDENADOR CULTURAL: Doté Rodrigo de Avimaje e os membros TITULARES do CONSELHO FISCAL: Anderson de Oxóssi, Ana Deolindo e Edna Lima, membros SUPLENTES do CONSELHO FISCAL: Branca e Jorge Sem – Jorge Sem e membros MOBILIZADORES DA JUVENTUDE da SECRETARIA DO GRUPO DE ADOLESCENTES E JOVENS DA RELIGIOSIDADE DE MATRIZ AFRICANA – FUTURO DO AXÉ: Angela Mendonça e Desirée Costa.
Desta forma o grupo estará respaudado a mobilização de legalização das casas de religiosidade de matriz africana e a mobilização das lideranças através da AFRO MOVIMENTE, que terá sua sede na Estrada do Piaí, 5435 (próximo ao Material de Construção do Dedé), telefone 31589920, maiores informações com Paulo Mendonça d’Sangô no 964962033 (Nextel e WhasApp).


Alguns dos membros da coordenadoria da instituição que  foram responsáveis pela oficialização da ONG., sendo eles: Etemí Flávia d'Osun, Doté Rodrigo de Avimaje, Doté Muniz de Jagun e Angela Mendonça.

Cyntia Alecrim ENCANTO NA DANÇA




Criadora e orientadora do Espaço De Dança Arte E Cultura Cyntia Valquiria, que fica localizado na Rua José Maria do Amaral, 249 - BRISA, a dedicada professora Cyntia Alecrim, encanta  a todos com seu empenho, amor a dança e suas apresentações solo e com suas alunas em diversos tipos de dança.

Cyntia sempre alegre e contagiante é um encanto na dança e na condução do espaço.

Inaugurada em Nova Sepetiba mais um Complexo Educacional

O Campus Educacional de Nova Sepetiba, irá atender mais de 4.000 alunos da Zona Oeste, da Educação Infantil ao Ensino Fundamental. São oito novas Escolas do Amanhã, com três Espaços de Desenvolvimento Infantil (creche e pré-escola), três Primários (1º ao 6º ano) e dois Ginásios (7º ao 9º Ano).

Entre elas a que leva o nome dos professores Lilia Chaves Costa e Neemias R. de Melo, por sugestão do vereador Elton Babú, em reconhecimento a importância deles na história da região.

“Cada escola e EDI deste programa que assisto a inauguração me convenço ainda mais o quanto que estamos plantando de fato um futuro melhor para as crianças e jovens da nossa cidade e em especial aqui na região... Homenagear a Lilia é fazer jus a sua luta ao nosso lado e em prol da região... Uma honra para mim homenagear através do Professor Neemias, todaa família Cunha Mello... Assim como é uma alegria ver os demais homenageados com seus nomes nestas unidades educacionais”, falou o vereador Elton Babú.

“Essas escolas são dos cariocas e da cidade, aqui está o futuro de nossas crianças”, disse Eduardo Paes.

Nas novas unidades fazem que parte do programa Fábrica de Escolas do Amanhã Governador Leonel Brizola, os alunos estudam em período integral de sete horas. Até o fim deste ano, serão entregues pela prefeitura do Rio mais 119 unidades escolares, sendo 110 pela Fábrica de Escolas do Amanhã.

“Estamos muito orgulhosos de entregar quase cinco mil vagas, desde a creche ao Ensino Fundamental. Tudo isso com um ensino de qualidade, com material pedagógico e com professores qualificados”, declarou a secretária de Educação, Helena Bomeny.

O CAMPUS EDUCACIONAL NOVA SEPETIBA
- Espaço de Desenvolvimento Infantil Professora Kátia Mirando dos Santos - - 300 alunos
- Espaço de Desenvolvimento Infantil Maria Rosangela Oliveira (Tia Neguinha) - - 300 alunos
- Espaço de Desenvolvimento Infantil Professora Lilia Chaves da Costa: 300 alunos
- Escola Municipal Primário Walquir Pereira - 720 alunos
- Escola Municipal Primário Paralimpíadas Rio 2016 - 720 alunos
- Escola Municipal Primário Professora Clara Lúcia de Sousa - 720 alunos
- Escola Municipal Ginásio Emilinha Borba - 840 alunos
- Escola Municipal Ginásio Professor Neemias Rodrigues de Mello - 840 alunos

Cia Costurando Histórias estará na ARENA CHACRINHA

Estará apresentando três espetáculos infantis, nos dias 16 e 17 de junho:
Embarcando na Arca -  Retalhos de Noé e os Bichos,
Pequeno Sertão: Veredas e Fios Encantados

Release - Embarcando na Arca – Retalhos de Noé e os Bichos :  O dilúvio é um mito de caráter universal, presente em narrativas de diferentes povos e culturas. Na Bíblia, é retratado na passagem da Arca de Noé.  Embarcando na Arca: retalhos de Noé e os bichos vai contando e cantando essa história. Os versos de Drummond, Cecília Meirelles, Tatiana Belinky e outros poetas embalam a ´viagem´ 



Release Fios Encantados :  onde começa uma história? Qual som é capaz de despertar uma narrativa adormecida...
Dando início a partitura cênica que convida o público a uma viagem através do tempo e espaço, três mulheres, talvez bruxas, talvez fadas, como as antigas Moiras e fiandeiras, brincam de contar e cantar narrativas antigas:Rumpelstiltskin,O Ouro das Estrelase Baba Yaga.
Os contos de fadas ou contos maravilhosos são fonte de sabedoria universal que enriquecem significativamente o imaginário infantil. 



Release Pequeno Sertão: Veredas :  a proposta de transpor parte do universo sugerido por Guimarães Rosa através de sua particular literatura para um tapete tridimensional de histórias que se proponha a representar um sertão veredas em miniatura para crianças e jovens - formado por uma geografia de panos, retalhos, cores e texturas - caminha em direção ao casear do brincar com o compromisso, do refino ao vasto conteúdo de sabedoria popular apreendido por um cuidadoso e atento mestre das palavras e histórias



·  Sobre a Cia 
Comemoração dos 15 anos da Cia
Através de espetáculos híbridos que alinhavam artes plásticas, literatura, teatro e música, a Cia. Costurando Histórias visita espaços culturais, feiras literárias e instituições de ensino, sempre fomentando arte e cultura por onde passa. A iniciativa de transformar livros infanto-juvenis em tapetes interativos teve origem na França e chegou ao país através do projeto Raconte-Tapis, difundido com êxito também pela diretora do grupo, a atriz, pesquisadora e artesã Daniela Fossaluza.  Desde 2001, a atriz e sua parceria artística Denise Goneve criam tapetes-cenários utilizando retalhos e a partir de obras literárias e contos populares. Entre os autores já “tapeteados” estão: Guimarães Rosa, Ruth Rocha, Ana Maria Machado, Leonardo Boff, Clarice Lispector, Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Silvia Ortof e Vinicius de Moraes. 
  De um modo lúdico, interativo e próximo, as apresentações acontecem objetivando o encantamento e também a participação ativa das crianças. Após os encontros de narração, os ouvinte podem manipular os cenários, livros e instrumentos musicais utilizados nas sessões de histórias, dando um caráter especial ao evento, comprovando que vale à pena dar a oportunidade de voz e ação às crianças. Revivendo os enredos através da livre brincadeira, os pequenos e grandes espectadores podem recriar e rememorar os conteúdos que acabaram de receber. O livro é uma fonte de inspiração aparente no trabalho do grupo. 
  Entre castelos, florestas, cemitérios e brejos, os personagens ganham vida sendo manipulados pelos atores-narradores e embalados pelas trilhas sonoras e sonoplastias elaboradas pelos músicos. A junção de elementos cênicos e expressivos compõe os resultados finais. Performance e literatura embasando os encontros. 
“Quem conta um  conto aumenta um ponto. Quem costura um livro semeia vínculos e dá gosto à imaginação”. Costurando Histórias: Uma maneira diferente de estimular leitura, cultura, conhecimento e interação. 
Equipe de criação:
Direção e Dramaturgia: Daniela Fossaluza
Elenco: Daniela Fossaluza e Denise Goneve.
Músicos: Cezar Pereira e Felipe Chaves.
Criação do Tapete de Histórias: Daniela Fossaluza e Denise Goneve.
Fotos: Claudio Medeiros
Realização: Costurando Histórias

SERVIÇO
 Grupo Costurando Histórias
16 de junho – quinta-feira – 10h e 14h - Embarcando na Arca – Retalhos de Noé e os Bichos  
17 de junho – sexta-feira – 10h e 14h - Pequeno Sertão: Veredas e Fios Encantados 

Entrada franca, com distribuição de senhas no local 30 minutos antes de cada 
apresentação - Classificação livre e indicativa para todas as idades

ARENA CARIOCA ABELARDO BARBOSA – CHACRINHA – PEDRA DE GUARATIBA /
Endereço: Rua Soldado Elizeu Hipólito s/nº, esquina com Av. Litorânea - Pedra de Guaratiba 

ORAÇÃO AOS PRETOS VELHOS

Preto Velho
Carreteiro de Oxalá
Bastão bendito de Zambi
Mensageiro de Obatalá
Meu pensamento eleva-se ao teu espírito e peço Agô.
Que tuas guias sejam o farol que norteie minha vida.
Que vossa pemba trace o caminho certo para todos os meus atos.
Que vossas palavras, tão cheias de compreensão e bondade, iluminem minha mente e meu coração.
Que teu cajado me ampare em meus tropeços.
Ontem te curvastes aos senhores...
Hoje, ajoelho-me aos teus pés pedindo que intercedas junto a Oxalá por mim e por todos que neste momento clamam por vós.
Maleme e paz sobre meu lar e que a luz divina de Obatalá se estenda pelo mundo.
E que o grito de todos os orixás sejam o sinal de vitória sobre todas as demandas de minha vida.
Maleme as almas.
Maleme para todos os meus inimigos, para que saiam do negrume da vingança.
E encontrem fonte fecunda e clara do amor e caridade.

Eu adorei as Almas, por hoje é todos os dias!
Saravá!

Pretos velhos ou Pretos-velhos são entidades de umbanda, espíritos que se apresentam em corpo fluídico de velhos africanos que viveram nas senzalas, majoritariamente como escravos que morreram no tronco ou de velhice, e que adoram contar as histórias do tempo do cativeiro. São divindades purificadas de antigos escravos africanos. Sábios, ternos e pacientes, dão o amor, a fé e a esperança aos "seus filhos".
São entidades que tiveram, pela sua idade avançada, o poder e o segredo de viver longamente através da sua sabedoria, apesar da rudeza do cativeiro demonstram fé para suportar as amarguras da vida, consequentemente são espíritos guias de elevada sabedoria, trazendo esperança e quietude aos anseios da consulência que os procuram para amenizar suas dores, são mandingueiros poderosos, com seu olhar prescrutador sentado em seu banquinho, fumando seu cachimbo, benzendo com seu ramo de arruda, rezando com seu terço e aspergindo sua água fluidificada, demandam contra o baixo astral e suas baforadas são para limpeza e harmonização das vibrações de seus médiuns e de consulentes.

Babalorisá Paulo Mendonça d’Sangô

Começou as obras do Bairro Maravilha Oeste São Domingos Sávio - Santa Cruz

As obras do Bairro Maravilha vão requalificar vias localidades Estrada São Domingos Sávio em Santa Cruz, onde o programa Bairro Maravilha Oeste São Domingos Sávio vai assistir 23 ruas, com aporte de R$ 15,1 milhões, foram anunciadas no dia 30 de abril.

- Temos feito um esforço imenso para trazer para a Zona Oeste o que a região merece. Ainda há lugares sem a mínima condição de infraestrutura, mas estamos mudando essa realidade. O papel do poder público é esse. E quem vive nessa área vê que, ao mesmo tempo em que fazemos as grandes obras para as Olimpíadas, também fazemos aquelas que melhoram a vida das comunidades – destacou o prefeito Eduardo Paes.

- É muito bom ver essas transformações na Zona Oeste. As comunidades estão deixando para trás esse passado de lama, essa situação constrangedora de os moradores terem de colocar saco plástico no pé para sair e de ficarem com vergonha de receber visita em casa. Essa realidade está mudando e graças à prefeitura, que continua com todos os seus compromissos assumidos, entregando obras e investimentos e contrariando a situação econômica do Brasil – ressaltou o secretário executivo de Coordenação de Governo, Pedro Paulo.

- Uma comunidade que se existe a cerca de 35 anos e como vizinho de bairro, pois eu moro ali na Rua Primeira, e cada fez que chove está é uma das comunidades que eu penso na dificuldade de seus moradores saírem de casa para trabalhar, estudar, ir no médico e até para comprar um pão, por que além de não ter asfalto o valão ainda transborda e invade as casas com a água de esgoto e por ser cobrado pelos moradores daqui, fiz na Câmara Municipal, a Indicação Legislativa da necessidade das obras de saneamento e  infraestrutura e estou feliz por este governo ter acolhido a minha luta em prol desta gente da São Domingos Sávio e as outras 22 ruas que hoje recebem o anuncio do início das obras – disse o vereador Elton Babú.

São Jorge celebrado em Sepetiba

Organizada no dia 23 de abril, pelo AFOXÉ “OMO ALA OKAN, que tem como presidente o Marco Oliveira, conhecido como Marcão, a FESTA DE SAO JORGE EM SEPETIBA, teve alvorada, missa celebrada pelo Padre Geraldo, café da manha e um lindo ato em homenagem a Ogum e Oxosse, com a participação de várias lideranças da religiosidade de matriz africana.

Marcão e Eliane após a missa

Parcial do público na Praça São Jorge na Praia do Recôncavo


 Membros do Corpo Sacerdotal do Presente à Yemanjá em Sepetiba: Doté Muniz de Jagun, Babalorixá Paulo Mendonça, Etemí Flávia d’Osun,Ya Regina do Gandy e Doté Rodrigo de Avimaje, estiveram entre os participantes.

A Arte de Liderar

*Deborah Epelman



O mundo de hoje está mudando de uma forma extraordinária... as mudanças antigamente levavam décadas para acontecer e hoje estão acontecendo em meses e às vezes até em dias....

Com isso, o Líder de hoje é muito diferente do de antes, pois ele deve ser muito mais um sábio do que um técnico... deve acompanhar todas as mudanças... além disso antigamente o bom Líder era aquele que sabia mandar, e hoje ele deve saber compartilhar e investir nas pessoas para que elas dêem o melhor de si mesmas.

Quando falo sobre o Líder, estou falando de qualquer pessoa, de qualquer idade, que atue na Vida desta maneira... pode ser uma criança liderando seus amiguinhos na hora de brincar; um adolescente liderando sua "tribo"; uma dona de casa liderando seu lar; um atleta liderando seu time; um gerente liderando seus colaboradores.....

Liderar é uma maneira de agir, uma maneira de ser, não é algo somente de fora, somente para outros, para pessoas famosas. É uma parte natural da Vida.

Liderar é desenvolver a visão do que é possível e ser capaz de inspirar outros a ajudá-lo a realizar estas possibilidades.

Ser Líder significa desenvolver competência e talento internos completamente.

Vivemos em Sistemas o tempo todo... começando pelo nosso Sistema Interno (partes e órgãos internos), nosso Sistema Familiar, Profissional, Social, Comunitário, até o Sistema da Natureza, o Sistema Solar, o Universo... fazemos parte direta ou indiretamente de todos eles e eles interferem em nossas Vidas.

Então, para ser um bom Líder, a pessoa precisa primeiro saber liderar bem seu Sistema Interno pois sem Auto-Conhecimento, sem conseguir "dirigir seu próprio carro", como é que alguém pode querer dirigir outras pessoas? Antigamente víamos líderes que só sabiam mandar e que perdiam completamente o controle de si mesmos por coisas bem pequenas... hoje estes perdem é a condição de serem líderes!!!

Depois a pessoa deve conhecer os Sistemas que fazem parte de sua Vida para poder viver de forma congruente. Não tem nada mais desagradável do que alguém que quer ser Líder falar algo e fazer outra coisa diferente... ou seja, não agir de forma congruente com suas palavras.

Em Inglês há a expressão "walking my talk" que fala exatamente sobre isso... quando o Líder fala uma coisa e faz outra, como conseqüência perde credibilidade.

Outra coisa muito importante nos dias de hoje é a filosofia do "ganha/ganha", ou seja, o bom Líder é aquele que sempre age de forma que todos os envolvidos saiam ganhando... o Líder que "passa por cima" das pessoas está "por fora"!!!

Hoje e cada vez mais o mundo está transformando a Competitividade pela Cooperação e o Líder deve ser o primeiro a atuar desta forma.

Líderes! Vamos juntos ajudar o Mundo a completar esta transformação!

* Deborah Epelman – NLP Advanced Trainer e-mail: deborah@pac.com.br - Fonte: http://www.metas.com.br/lideranca/a-arte-de-liderar

E agora?

Após os últimos acontecimentos no cenário nacional, me atrevo a dizer que teremos não apenas por até 180 dias um novo presidente e sim pelos próximos dias, até 31 de dezembro de 2018, pois a votação no Senado Federal mandou um recado claro com os 55 votos que aprovaram o afastamento da presidente e levou o vice a assumir interinamente.

Tirando o choro e as reclamações, legitimas ou não do grupo político da presidente afastada e da euforia do grupo entorno do presidente interino, precisamos ver as ações efetivas de retomada do crescimento e de equilíbrio do país, pois não podemos continuar com o aumento do desemprego e a desaceleração da economia, que vem levando a economia a níveis insuportáveis por todos nós.

Seguir em frente!

Até porque, não cabe mais questionar os motivos e os fatos que levaram a esta situação e sim pensarmos no que e onde cada um poderá agir para não ficarmos de novo refém de um jogo triste como este que assistimos pelos meios de comunicação.

Agora é torce para a equipe que foi formada e está com os desígnios do país nas mãos, trabalhar e darem as respostas necessárias para a melhora no atendimento a saúde, educação, segurança, moradia e não sacrificarem os menos favorecidos, que são assistidos pelos programas sociais.

Agora é pensar bem no que esse jogo do poder, irá influenciar nas urnas em 2 de outubro, e não permitir que eles deem as cartas e elejam a maioria das Câmaras Municipais e Prefeituras

Não julgue ninguém pelo partido ou grupo que tenha pertencido ou pertença e procure saber de fato quem trabalha pela melhoria de seu lugar.

Agora, precisamos observar analisar e nos informar por fontes sérias e independentes de quem terá como seu escolhido como vereador e prefeito, a partir do dia 1 de janeiro de 2017.

Agora é com cada um de nós!



Paulo Mendonça
*Publicado como editorial na edição 249 - maio de 2016 do Jorna REAL Notícias

sexta-feira, maio 13, 2016

Cia Costurando Histórias estará na ARENA CHACRINHA apresentando três espetáculos infantis

O Grupo Costurando Histórias apresentará na Arena Chacrinha espetáculos infantis nos dias 16 e 17 de junhoEmbarcando na Arca -  Retalhos de Noé e os Bichos,  Pequeno Sertão: Veredas e Fios Encantados 




Release - Embarcando na Arca – Retalhos de Noé e os Bichos :  O dilúvio é um mito de caráter universal, presente em narrativas de diferentes povos e culturas. Na Bíblia, é retratado na passagem da Arca de Noé.  Embarcando na Arca: retalhos de Noé e os bichos vai contando e cantando essa história. Os versos de Drummond, Cecília Meirelles, Tatiana Belinky e outros poetas embalam a ´viagem´ 




Release Fios Encantados :  onde começa uma história? Qual som é capaz de despertar uma narrativa adormecida...
Dando início a partitura cênica que convida o público a uma viagem através do tempo e espaço, três mulheres, talvez bruxas, talvez fadas, como as antigas Moiras e fiandeiras, brincam de contar e cantar narrativas antigas:Rumpelstiltskin,O Ouro das Estrelase Baba Yaga.
Os contos de fadas ou contos maravilhosos são fonte de sabedoria universal que enriquecem significativamente o imaginário infantil. 




Release Pequeno Sertão: Veredas :  a proposta de transpor parte do universo sugerido por Guimarães Rosa através de sua particular literatura para um tapete tridimensional de histórias que se proponha a representar um sertão veredas em miniatura para crianças e jovens - formado por uma geografia de panos, retalhos, cores e texturas - caminha em direção ao casear do brincar com o compromisso, do refino ao vasto conteúdo de sabedoria popular apreendido por um cuidadoso e atento mestre das palavras e histórias


Equipe de criação:
Direção e Dramaturgia: Daniela Fossaluza
Elenco: Daniela Fossaluza e Denise Goneve.
Músicos: Cezar Pereira e Felipe Chaves.
Criação do Tapete de Histórias: Daniela Fossaluza e Denise Goneve.
Fotos: Claudio Medeiros
Realização: Costurando Histórias

 SERVIÇO
 Grupo Costurando Histórias
16 de junho – quinta-feira – 10h e 14h - Embarcando na Arca – Retalhos de Noé e os Bichos  
17 de junho – sexta-feira – 10h e 14h - Pequeno Sertão: Veredas e Fios Encantados 
 Entrada franca, com distribuição de senhas no local 30 minutos antes de cada apresentação
Classificação livre e indicativa para todas as idades
ARENA CARIOCA ABELARDO BARBOSA – CHACRINHA – PEDRA DE GUARATIBA /Endereço: Rua Soldado Elizeu Hipólito s/nº, esquina com Av. Litorânea - Pedra de Guaratiba 

·  Sobre a Cia 
·  Comemoração dos 15 anos da Cia
Através de espetáculos híbridos que alinhavam artes plásticas, literatura, teatro e música, a Cia. Costurando Histórias visita espaços culturais, feiras literárias e instituições de ensino, sempre fomentando arte e cultura por onde passa. A iniciativa de transformar livros infanto-juvenis em tapetes interativos teve origem na França e chegou ao país através do projeto Raconte-Tapis, difundido com êxito também pela diretora do grupo, a atriz, pesquisadora e artesã Daniela Fossaluza.  Desde 2001, a atriz e sua parceria artística Denise Goneve criam tapetes-cenários utilizando retalhos e a partir de obras literárias e contos populares. Entre os autores já "tapeteados" estão: Guimarães Rosa, Ruth Rocha, Ana Maria Machado, Leonardo Boff, Clarice Lispector, Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Silvia Ortof e Vinicius de Moraes. 
 De um modo lúdico, interativo e próximo, as apresentações acontecem objetivando o encantamento e também a participação ativa das crianças. Após os encontros de narração, os ouvinte podem manipular os cenários, livros e instrumentos musicais utilizados nas sessões de histórias, dando um caráter especial ao evento, comprovando que vale à pena dar a oportunidade de voz e ação às crianças. Revivendo os enredos através da livre brincadeira, os pequenos e grandes espectadores podem recriar e rememorar os conteúdos que acabaram de receber. O livro é uma fonte de inspiração aparente no trabalho do grupo. 
 Entre castelos, florestas, cemitérios e brejos, os personagens ganham vida sendo manipulados pelos atores-narradores e embalados pelas trilhas sonoras e sonoplastias elaboradas pelos músicos. A junção de elementos cênicos e expressivos compõe os resultados finais. Performance e literatura embasando os encontros. 
"Quem conta um  conto aumenta um ponto. Quem costura um livro semeia vínculos e dá gosto à imaginação". Costurando Histórias: Uma maneira diferente de estimular leitura, cultura, conhecimento e interação.

GRÁTIS - espetáculo teatro com música ao vivo POR GENTILEZA

Areninha Carioca Hermeto Pascoal/Bangu -17 de maio e Lona Cultural Municipal Elza Osborne - Campo Grande/18 de maio






Release: "Por Gentileza"  recria ludicamente através  de  músicas, mímica e bonecos, o ideário dos  ensinamentos do ProfetaGentileza, JOSE DATRINO .
Autoria de Leila Carvalho e Josué Soares, com a CIA MIMOS BRASIL.
Indicado para todos de todas as idades, duração 60 minutos. Entrada franca.

Sinopse:
Uma trupe de mambembes divide-se em múltiplos personagens e com a ajuda de mímica e bonecos contam, cantam, e encantam com várias participações diretas do público. Ao assistir com tristeza o caos que se tornou a vida de seus súditos, impregnados de descortesia e arrogância, o sábio Rei resolve dar uma festa e convida todos os cidadãos. Após muita dança e música, o Rei manda que tragam uma panela com sopa. Porém não há pratos nem talheres, apenas grandes colheres com compridos cabos de bronze, cujo calor e comprimento impedem que cada um se sirva. Tentados pela apetitosa iguaria, os súditos descobrem então uma inusitada maneira de tomar a sopa! A dificuldade com o calor do bronze acaba por ensinar que com solidariedade todos podem se alimentar.

Concepção: tendo como fio condutor o ideário do Profeta Gentileza, cuja mensagem é conhecida mundialmente, e que enaltece a solidariedade,  cordialidade e  paz entre os homens.
 Josué Soares e Leila Carvalho trazem aos palcos de forma lúdica e bastante divertida, prazerosa e interessante tais ensinamento, teatralizando estes sentimentos s tão essenciais ao convívio de todos , sempre  emoldurados pelas músicas originais de Lucina (compositora de sucessos nas vozes de Ney Matogrosso e Zélia Duncan) e Mario Avellar.
O sucesso da proposta que encanta a todos, é a participação interativa do público durante as apresentações, garantindo desta forma que a mensagem é recebida e levada pelos espectadores  para além das paredes da caixa cênica , e para dentro de cada um !!
concepção visual do espetáculo tem um colorido que remete à brasilidade e à identidade das pilastras, objetos e símbolos de José Datrino, o Profeta Gentileza.
  

VÍDEO: 



Serviço "Por Gentileza" –
·        17 de maio – terça-feira – 10h e 14h
Areninha Carioca Hermeto Pascoal / Bangu
Praça 1º de maio, s/nº- Bangu / 

·     18 de maio – quarta-feira – 10h e 14h
Lona Cultural Municipal Elza Osborne - Campo Grande
Estrada Rio do A, 220

   Classificação livre e indicativa para todas as idades 
Duração: 60 min
Entrada franca
Direção: Josué Teixeira Soares
Texto: Leila Carvalho e Josué Soares
Elenco: Dalus Gonçalves, Flavio Lazaro, Josué Soares e Rogério Brum
Direção Musical: Victor Larica
Composição Musical: Lucina e Mário Avellar
Bonecos e Adereços :Krica e Emilia France
Cenários e figurinos: Coca Serpa
Produção       Marcia Valeria e Josué Soares
Fomação de público e assessoria de imprensa: Claudia Bueno

quinta-feira, abril 14, 2016

Turma da Tia Cris recebeu a visita de Elton Babú e Pedro Paulo

Na manhã do sábado 2 de abril, em Sepetiba, o vereador Elton Babú e o secretário Pedro Paulo estiveram reunidos com parte da Turma da Tia Cris, no espaço onde fazem as atividades recreativas, de saúde e de aulas de artesanato e em breve com atividades de Internet.
Na ocasião receberam o agradecimento dos membros da turma da terceira idade pelo carinho e estimulo que Elton Babú e Pedro Paulo sempre dedicam a Turma da Tia Cris em suas muitas atividades.
O vereador Elton Babú, destacou a importância de grupos de convivência em espaços familiares como é feito pela Cristina, para a saúde física e mental dos participantes e da sua felicidade em poder incentivar as atividades.
O secretário Pedro Paulo falou da alegria de ser recebido por um grupo tão ativo, e fez um breve relato das melhorias em Sepetiba e região, que a Prefeitura do Rio está realizando na educação, saúde e transporte e agradeceu ao vereador Elton Babú pela sua brilhante atuação no legislativo em prol da população do bairro, região e toda a cidade.
Sempre que a Turma da Tia Cris se junta vira uma grande festa e assim foi o encontro de seus componentes com o vereador Elton Babú e o secretário Pedro Paulo no espaço que fica localizado em Sepetiba.
Foi Show!




Confraternização pelo sucesso do Presente à Yemanjá em Sepetiba

No sábado 2 de abril, o vereador Elton Babú e o secretário Pedro Paulo estiveram com os membros da coordenação, equipe de organização e do Corpo Sacerdotal do Presente à Yemanjá em Sepetiba para a feijoada de confraternização oferecida e feita pelo patrono do evento Jorge Babú pelo sucesso da 22 edição do evento que aconteceu no dia 21 de fevereiro.
Jorge Babú recebeu a todos ainda com avental e lenço, usados na tarefa de preparo da deliciosa feijoada e empolgado falou do sucesso do evento e da união dos irmãos de fé em prol do coletivo religioso.
No encontro o vereador Elton Babú renovou seu compromisso de continuar representando a comunidade de Matriz Africana, com proposta de valorização ao segmento como foi a criação da Lei de inclusão do evento Presente à Yemanjá em Sepetiba no Calendário Oficial da Cidade do Rio de Janeiro. 
Ao falar o secretário Pedro Paulo destacou o orgulho de fazer parte de um governo, que tem como tirular o prefeito Eduardo Paes, onde toda equipe trabalha cumprindo o papel previsto na Constituição, que determina que o estado seja laíco e reassumiu o compromisso de sempre combater na esfera municipal quaisquer ação de intolerância e estreitar os laços da Prefeitura do Rio e as Casas de Asé para ações sociais em prol da população da região.
Na ocasião o grupo de religiosos fizeram um ato em homenagem ao secretário Pedro Paulo, vereador Elton Babú e o patrono Jorge Babú, com cantigas de Umbanda sob o comando dos Ogãs Zé Carlos e Sérgio e em seguida todos curtiram a feijoada e o samba de roda do grupo Ore Alamoju.

Curso do Programa Justiça Cidadã em Santa Cruz - GRÁTIS


O DEAPE (Departamento de Ações Pró Sustentabilidade), sob a coordenação da Desembargadora Cristina Tereza Gaulia, promoverá o Curso do Programa Justiça Cidadã – 27ª Edição, no Fórum de Santa Cruz, no período de 31 de Maio e 26 de Julho de 2016, todas as terças e quintas-feiras, no horário das 14:00 às 17:00h. O programa de formação continuada visa promover a inclusão social e o exercício de uma cidadania mais responsável, crítica e consciente, por meio de ações educativas que esclareçam ao cidadão sobre seus direitos e deveres, orientando-o, ainda, como e quando recorrer ao Judiciário na defesa dos seus interesses individuais e coletivos. O curso tem por público alvo todas as lideranças comunitárias, membros de associações e participantes da sociedade civil que estejam direta ou indiretamente envolvidos com a promoção e construção de uma vida digna para todos.
As inscrições serão realizadas com a Equipe Operacional do Programa Justiça Cidadã, nos telefones: 3133-2054 ou 3133-2804. Cláudia Alves/  Maria Heidilamar/  Adeliza/ Bernadette - Coordenação Operacional do Programa Justiça Cidadã.
O Programa tem como objetivo formar cidadãos conscientes dos seus direitos e multiplicadores de conhecimento, e se destina ao seguinte público:

Moradores de Comunidades
- Analfabetos;
-  Pessoas com o ensino fundamental completo ou incompleto (antigo primeiro grau);
 - Pessoas com o ensino médio completo ou incompleto (antigo segundo grau);
-  Pessoas que trabalhem em hospitais públicos, escolas públicas, associações de moradores em qualquer dos territórios dos municípios do Rio de Janeiro ou da Baixada Fluminense, comprovadamente;
- Qualquer pessoa que tenha projetos e trabalhos diretamente ligados aos direitos fundamentais previstos na Constituição Federal de 1988.

Pessoas não Moradoras de Comunidades ou com Nível Superior de Ensino
-  que exerçam funções públicas, tais como agentes de saúde;
-  que trabalhem em hospitais públicos;
- Professores ou Diretores de Escolas Públicas;
- Agentes Comunitários;
- Bombeiros-Militares;
- Policiais-Militares;
- Pessoas que exerçam funções públicas do governo e em secretarias ligadas diretamente à população ou trabalhem com a comunidade

Intolerância religiosa é crime



A intolerância religiosa é um conjunto de ideologias e atitudes ofensivas a diferentes crenças e religiões. Em casos extremos esse tipo de intolerância torna-se uma perseguição. Sendo definida como um crime de ódio que fere a liberdade e a dignidade humana, a perseguição religiosa é de extrema gravidade e costuma ser caracterizada pela ofensa, discriminação e até mesmo atos que atentam à vida de um determinado grupo que tem em comum certas crenças. As liberdades de expressão e de culto são asseguradas pela Declaração Universal dos Direitos Humanos e pela Constituição Federal. A discriminação religiosa é crime e deve ser combatido e denunciado por todo e qualquer cidadão. Tal prática já foi considerada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) como inafiançável e imprescritível, ou seja, o acusado poderá ser punido a qualquer tempo e não poderá responder em liberdade efetuando o pagamento de fiança.

Espetáculo POR GENTILZA

20 anos SEM GENTILEZA (profeta) espetáculo POR GENTILEZA difunde os pensamentos de paz, união, cidadania e solidariedade contidos na filosofia do Profeta Gentileza - LONA CULTURAL SANTA CRUZ



No dia 6 de maio  a A CIA +MIMOS BRASIL contemplada pelo edital fomento  VIVA ARTE se apresentará na Lona      Municipal Cultural Sandra De Sá/Santa Cruz  dentro de sua  circulação  por diversas regiões do  Rio de Janeiro com o espetáculo POR GENTILZA, e com o intuito de fomentar a cultura , todas as apresentações serão gratuitas .
A peça não  representa a vida do profeta Gentileza mas sim seus pensamentos de paz, gentileza, solidariedade, amor, é que são teatralizados e musicados no espetáculo. 
POR GENTILEZA estreou em 2001 numa parceria entre o Instituto Joãosinho Trinta, Petrobrás eMimos Brasil para a caravana teatral do projeto "BRASIL, TEMPO DE GENTILEZA", na cidade do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense e desde então circula deixando seu legado de Gentileza!

Release: "Por Gentileza"  recria ludicamente através  de  músicas, mímica e bonecos, o ideário dos  ensinamentos do Profeta Gentileza, JOSE DATRINO .
Autoria de Leila Carvalho e Josué Soares, com a CIA +MIMOS BRASIL.
Indicado para todos de todas as idades, duração 60 minutos. Entrada franca.
 
Concepção: tendo como fio condutor o ideário do Profeta Gentileza, cuja mensagem é conhecida mundialmente, e que enaltece a solidariedade,  cordialidade e  paz entre os homens.
 
Josué Soares e Leila Carvalho trazem aos palcos de forma lúdica e bastante divertida, prazerosa e interessante tais ensinamento, teatralizando estes sentimentos s tão essenciais ao convívio de todos , sempre  emoldurados pelas músicas originais de Lucina (compositora de sucessos nas vozes de Ney Matogrosso e Zélia Duncan) e Mario Avellar.
O sucesso da proposta que encanta a todos, é a participação interativa do público durante as apresentações, garantindo desta forma que a mensagem é recebida e levada pelos espectadores  para além das paredes da caixa cênica , e para dentro de cada um !!
A concepção visual do espetáculo tem um colorido que remete à brasilidade e à identidade das pilastras, objetos e símbolos de José Datrino, o Profeta Gentileza.

Sinopse:
Uma trupe de mambembes divide-se em múltiplos personagens e com a ajuda de mímica e bonecos contam, cantam, e encantam com várias participações diretas do público. Ao assistir com tristeza o caos que se tornou a vida de seus súditos, impregnados de descortesia e arrogância, o sábio Rei resolve dar uma festa e convida todos os cidadãos. Após muita dança e música, o Rei manda que tragam uma panela com sopa. Porém não há pratos nem talheres, apenas grandes colheres com compridos cabos de bronze, cujo calor e comprimento impedem que cada um se sirva. Tentados pela apetitosa iguaria, os súditos descobrem então uma inusitada maneira de tomar a sopa! A dificuldade com o calor do bronze acaba por ensinar que com solidariedade todos podem se alimentar.

Serviço "Por Gentileza"
6 de maio – sexta-feira – 10h e 14h
Lona      Municipal Cultural Sandra De Sá - Endereço: Praça do Lote, 219 / Santa Cruz - Telefone: (21) 3395-1630
Classificação livre e indicativa para todas as idades
Duração: 60 min
Entrada franca
Direção: Josué Teixeira Soares
Texto: Leila Carvalho e Josué Soares
Direção Musical: Victor Larica
Composição Musical: Lucina e Mário Avellar
Bonecos e Adereços :Krica e Emilia France
Cenários e figurinos: Coca Serpa
Produção       Marcia Valeria e Josué Soares
Fomação de público e assessoria de imprensa: Claudia Bueno

VÍDEO: https://youtu.be/18pcfxk6B70

O PROBLEMA É DE TODOS NÓS



Não temos visto a atuação das organizações sociais e associações de moradores em benefício do coletivo regional e sim encaminhando ou negociando o problema de sua localidade. Essa visão de cada um por si, acaba refletindo e enfraquecendo os conselhos de cada área setorial (saúde, segurança e tutelar).

O poder público só funciona sobre pressão e em nossa região cada vez mais vem fazendo o que deseja e quando lhe convém e quem deveria estar cobrando, faz o papel de plateia satisfeita e aplaudi o espetáculo ou simplesmente ignora o que esta acontecendo.

É claro que muito a prefeitura esta avançando na área de educação básica com as construções das novas escolas e creches, mas o governo estadual não gerou uma vaga de ensino médio e muito menos técnico. Na área da saúde observamos que muito depende da boa vontade de cada equipe que atende em cada unidade, pois as mesmas estão equipadas e prontas para funcionarem (UPA e Clinica da Família).

Por enquanto cada um resolver cuidar da sua vida, iremos enfraquecer as representações através das associações de moradores, comercial, de classe, religiosa e política, assim enfraquecemos nosso poder de debate sobre o que é prioridade para a nossa região.

A militância não é fácil e nem tem resultados imediatos, você precisa participar, debater com os representantes do legislativo e executivo, indicar caminhos, construir alternativas e ajudar na solução do problema que é de cada um de nós.

A solução de todos os problemas passa pelo debate e pressão no poder público. Você ficando em silêncio e acomodado não irá resolver a falta de segurança, o mau atendimento na saúde, a dificuldade no transporte e/ou no trânsito e todos os demais problemas da região.

Reclame e denunciar a falta de atendimento ou funcionamento de algum órgão público, não pense que de nada adianta, pois cada reclamação registrada e um ponto negativo que eles terão de apagar. No caso da prefeitura o canal do 1746 tem funcionado e dado resposta.

Não se deixe contaminar com o papel covarde da mídia diária, que só divulga os pontos negativos da política, pois a mudança não se faz  apenas com nome novo e e sim com pessoas que tem novos compromissos com os antigos problemas que temos em nossas comunidades. As próximas eleições, em 2 de outubro, são as mais importantes para a nossa região, pois é a que escolhe os vereadores e o prefeito, que são os que tem o poder de encaminhar as soluções de nossas demandas e por isso é importante que você escolha os seus candidatos e compareça no dia da votação.

Participe, procure saber quando é a reunião na sua associação de bairro ou comércio, no conselho de segurança ou saúde, converse com seu vizinho, amigo do trabalho, irmão de fé e busque um canal de conversa com quem possa encaminhar a demanda que vocês identificarem, não seja omisso, o problema é de todos nós.

OGÃ SÉRGIO DEDICAÇÃO AO ASÉ

 

Participante em eventos da religiosidade de Matriz Africana e nos terreiros de Candomblé e Umbanda em Sepetiba, o Ogã Sérgio é reconhecido e admirado pela sua bela voz e jeito simples, respeitoso, amigo e leal de ser e de tratar todos.

Obrigado Ogã Sérgio pela sua dedicação e amor a nossa religiosidade.

Um sonho adormecido



Já vem de longe o meu desejo de oficializar a instituição denominada de Mídia Comunitária da Zona Oeste - RJ, onde pretendo criar oficinas de intercambio entre profissionais aposentados e jovens para a transferência de interesse e conhecimentos profissionais, assim como oficinas de criação de informativo estudantis, religiosos (nos templos de todos os seguimentos), institucionais e comunitários, utilização das redes sociais, capacitação em atendimento ao cliente, telemarketing e diversas outras áreas, além de formar uma agência de notícias regional, a fim de fomentar a divulgação das inúmeras boas ações que são desenvolvidas por tantas pessoas e grupos em nossa região.

Mas como não consegui sensibilizar nenhum grupo empresarial para auxiliar no custeio da materialização deste sonho e nem possuo recursos próprios para tal feito, ele continua adormecido, mas jamais esquecido.

Enquanto não vem a Mídia Comunitária, vou seguindo na militância e contribuindo de alguma forma com a construção de ações positivas e em prol do bem comum.

Lealdade ou conveniência?

No momento que o país está passando, me vem uma reflexão sobre a vida pública, onde infelizmente vejo pouco ou quase nenhuma lealdade e muita conveniência no trato entre as pessoas. E para minha tristeza, isso ocorre de ambas as partes, tanto quem está no poder, assim como da parte da sociedade. Valendo a total falta de vergonha e a capacidade de fingir aceitar as regras imposta pelo jogo do poder e ao mesmo tempo estão preparados para descartarem quem os ajudou em tantos momentos ou colocando na geladeira (deixando sem atender as necessidades, mas também não descartando de fato).

Falar deste tema, me faz lembrar de meu  querido e saudoso pai, que sempre foi e cobrou lealdade em todos os níveis de convivência e assim me formou, tendo o compromisso de ser leal ao que penso e desejo.

Não posso aceitar que isso seja normal, alguém fingir que não vê algo, pela simples conveniência de ter a ajuda naquele momento e sendo capaz de esquecer-se de forma repentina o quanto a outra pessoa se doou para o seu objetivo e ser capaz de abandonar um barco ou trair com toda facilidade do mundo e ainda ficar apontando falhas no outro para justificar a sua atitude.

Ao ser leal você está respeitando primeiro a você mesmo e também aos seus ideais, sonhos, compromissos assumidos.

Se você que ver um mundo melhor, procure começar em você e assim irá contagiar o seu entorno e assim estará fazendo a diferença.

Um mundo melhor é possível a partir da ação de cada individuo. f

Faça a diferença!

Seja você o começo da mudança que tanto diz querer ver na sociedade.



Paulo Mendonça
*Publicado como editorial na edição 248 - abril de 2016 do Jorna REAL Notícias